Uma viagem para SP – Diferença entre os verbos de ação e o verbo to be

Olá, amigos do Inglês! Todo mundo adora um bom passeio, não é mesmo? Mas e quando vamos contar pra alguém sobre isso? Qual verbo usamos, to go ou to be? Como entender de forma efetiva a diferença entre os dois?

 

Hoje trago para vocês uma maneira super prática para acabar com uma confusão que perturba muitos alunos de Inglês. Os verbos de ação e o verbo be podem significar a mesma coisa? As sentenças interrogativas nesses dois casos são formadas da mesma maneira?

 

Afirmativas para interrogativas

 

A transformação de sentenças de afirmativas para interrogativas se dá de forma diferente no caso dessas duas categorias de verbos, verbo be e outros verbos de ação.

 

Para que você tenha um macete definitivo que faça você entender a diferença, quero te convidar a pensar em dois corredores. Imagine uma pista em que você tenha uma garota correndo com agilidade, flexibilidade. Ao lado, você vê um senhor já de idade, com pouca agilidade, tentando correr com a ajuda de uma bengala.

 

Agora, te convido a trazer essa metáfora dos corredores para nos ajudar na transformação de duas sentenças, de afirmativas para interrogativas:

 

She WAS in SP yesterday

She WENT to SP yesterday

 

O verbo be, WAS, na primeira sentença é a nossa corredora ágil e flexível. Ela muda de posição com facilidade. Às vezes está na frente do pronome, às vezes vem depois dele.

 

Portanto, she WAS in SP yesterday, se transforma em WAS she in SP yesterday? Você vê que o verbo be mudou de posição, sem nenhuma necessidade de um auxiliar, pois é jovem, ágil e flexível.

 

Agora, associe o verbo de ação, go que em nosso exemplo está como WENT, ao nosso outro corredor. Ele não tem a mesma agilidade. Portanto, precisa de um auxiliar. Como ele se move com dificuldade, ele chama esse ajudador e diz pra ele: “Bom, não dá pra mim, vai você, ajude aí na transformação da sentença.”

 

E aí, temos a coisa assim:

 

DID she go to SP yesterday?

 

Como conclusão, tenha em mente que o verbo be dispensa um auxiliar enquanto que todos os outros verbos necessitam de um ajudador, do, does ou DID, como nesse nosso caso.

 

Agora dê uma olhada nas sentenças interrogativas já formadas acima. Elas significam a mesma coisa?

 

Percepção

 

Do ponto de vista dos alunos, as perguntas parecem significar coisas totalmente diferentes. Quando faço a primeira pergunta eles parecem responder sem muita hesitação, devolvendo um: Yes, she was, ou No, she wasn’t.

 

Porém, quando lanço a segunda pergunta eles se complicam. A resposta será diferente, logicamente: Yes, she DID ou No, she DIDN’T. Pode-se até obter essa resposta correta, mas o fato é que os alunos parecem ver uma diferença enorme entre essas estruturas sendo que, basicamente, o que está por trás das estruturas é a mesma idéia:

 

She was in Cruzeiro -> SHE WENT TO SP -> She was in SP

 

E porquê?

 

She was in Cruzeiro – o verbo be nesse caso indica algo estático, posição geográfica.

 

She went to SP – o verb go indica movimento, o que faz com que a pessoa saia do ponto A e se chegue até um ponto B.

 

She was in SP – finalmente, a pessoa tem agora uma nova posição geográfica no ponto B, que é SP.

 

Portanto, perguntar se ela foi para SP ou se ela estava em SP carregaria o mesmo significado visto que o fato de ir trás como consequência essa nova posição geográfica descrita pelo verbo be.

 

Em resumo, o verbo be, nesse caso, indica posição enquanto o verbo go indica ação que muda posição. Apesar disso, as perguntas se referem à mesma ideia.

 

Canal: Inglês com alguma coisa

 

Ficou claro?

 

Se ainda restarem dúvidas, o vídeo no início do artigo te ajudará a entender de forma mais visual.

 

Esse vídeo é a parte integrante do nosso canal Inglês com alguma coisa.

 

A partir de agora, você terá acesso a dicas impactantes sobre vários aspectos do Inglês através de metáforas, âncoras emocionais fortes e vários outros instrumentos que trarão até você alguma coisa para que seu aprendizado seja inesquecível.

 

Se inscreva no canal e aproveite nossas dicas semanais.

 

Periodicamente traremos a vocês algo que te ajudará a fixar conceitos gramaticais e de vocabulário de uma forma inovadora, tudo feito com muito carinho e dedicação.

 

Nos vemos na próxima dica.

 

Grande abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *