3 amigos – Blending sounds

 

Olá, amigos do Inglês!

 

Falar inglês é uma habilidade fundamental nos dias de hoje, certo? Ok, mas falar Inglês em que condições? Com que tipo de pronúncia? E quando falamos sobre a capacidade auditiva?

 

Ora, provavelmente você concordará comigo ao lhe dizer que não adianta só falar Inglês. Há de se falar bem, com boa pronúncia. Caso contrário, mais do que não te entender, você pode pagar vários micos.

 

Algo que pode te ajudar bastante a adquirir uma pronúncia natural ao falar, além de te facilitar a vida na hora de ouvir o que as pessoas dizem nas músicas, filmes, etc, é o conceito de blending sounds.

 

Em Inglês, blend significa misturar, e essa mistura seria ideal se não nos confundisse. Essa é uma das maiores reclamações de alunos, principalmente ao ouvir algo em outro idioma.

 

Na língua inglesa, é fundamental que você tome consciência de um padrão para esses blendings. Falo sobre a mistura sonora que ocorre naturalmente quando uma palavra termina em som de consoante e a próxima começa em som de vogal, ou vice-versa.

 

Nas aulas do ICT, utilizamos certos macetes ou associações que ajudam, e muito, nossos alunos a assimilarem esses conceitos. Te apresento então nossos três amigos: ITSÔN , AIMENÉN e IÓRIN.

 

Ué, teacher, mas o texto não seria sobre blending sounds?

 

Claro que sim, amigo, mas esses nossos três amigos vieram para te esclarecer esse conceito. E aposto que você nunca mais se esquecerá deles. Desvendando o segredo então:

 

ITSÔN –  IT’S ON the table.

AIMENÉN – I´M AN Engineer.

IÓRIN – YOU´RE IN my class.

 

Já percebeu do que se trata certo? Se não, vamos lá:

 

It’s on the table – It’s – termina em som de consoante;  on – começa em som de vogal = blending  IT´S ON (ITSÔN);

I´m an engineer – I´m termina em som de consoante; an – começa em som de vogal; engineer – começa em som de vogal = blending I´M AN EN (AIMENÉN);

You’re in my class – You´re – termina em som de consoante (rrrrr); in – começa em som de vogal = blending YOU´RE IN (IÓRIN).

 

É isso amigos. Daqui para a frente, sugiro que você preste atenção à esse padrão muitíssimo comum utilizado por native speakers of English (falantes nativos da língua inglesa).

 

Assista a um filme com legenda em Inglês, e comprove a existência desses blendings. Depois me conte aqui no blog o resultado.

 

Se caso ainda restarem dúvidas, o vídeo no início do artigo traz o mesmo conteúdo de forma bem mais visual. Confira!

 

Canal Inglês com alguma coisa

 

Esse vídeo é a parte integrante do nosso canal Inglês com alguma coisa.

 

A partir de agora, você terá acesso a dicas impactantes sobre vários aspectos do Inglês através de metáforas, âncoras emocionais fortes e vários outros instrumentos que trarão até você alguma coisa para que seu aprendizado seja inesquecível.

 

Se inscreva no canal e aproveite nossas dicas semanais.

 

Periodicamente traremos a vocês algo que te ajudará a fixar conceitos gramaticais e de vocabulário de uma forma inovadora, tudo feito com muito carinho e dedicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *